A Educação Especial

Educação Especial         Altas Habilidades/Superdotação         Autismo        Deficiência Auditiva         Deficiência Física         Deficiência Intelectual         Deficiência Visua         

"Cão Guia": Orientação importante para os Deficientes Visuais

Aline Crociari      quarta-feira, 14 de junho de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Cão Guia”, você já ouviu falar?

No ano de 2005, foi aprovada a Lei 11.126 que autoriza a entrada de cães guias, junto aos deficientes visuais, em estabelecimentos públicos e privados.

O “Cão Guia” é visto como um companheiro fiel, “braço direito” das pessoas que possuem deficiência visual.

Nas ruas além de sinalizar os obstáculos encontrados nas calçados e nos cruzamentos, o animal proporciona maior segurança e independência na locomoção das pessoas cegas.

Algumas ações que NÃO podem ser praticadas por terceiros durante o trabalho do “Cão Guia”:

- Assobiar;

- Estalar dos dedos;

- “Chamar” o animal e

-Colocar a mão no animal sem autorização do dono.

Quanto ao treinamento do “Cão Guia” em média são necessários 3 anos de intensa preparação, para que o animal esteja apto ao trabalho de guia e orientação.

Como parte inicial deste treinamento, famílias acolhem o filhote até que este complete 1ano, já que esta é a fase de socialização entre os cachorros e os humanos.

Posteriormente, o cão é devolvido para um centro de treinamento, no qual será preparado para a função de guia.

Atualmente, existe um número pequeno de cegos que utilizam o “Cão guia” no Brasil. Isso ocorre devido ao alto custo deste serviço, pois a formação de um “Cão Guia” custa em média R$ 30 mil reais.

Outra questão é a ausência de pessoas capacitadas para realizar este específico treinamento no “Cão Guia”.

A relação entre o “Cão Guia” e o deficiente visual é a princípio profissional, já que o animal  trabalha para auxiliar a pessoa cega, porém, o tempo de convivência entre ambos, permite a construção de uma relação de afeto, carinho e cumplicidade.

Conheça mais sobre o “Cão Guia” acessando o “Fique por Dentro” do nosso site, onde consta a Lei 11.126/05 que dispõe sobre o direito do deficiente visual de ingressar e permanecer em ambientes de uso coletivo acompanhado deste animal.

Você gostou deste artigo? Então, não esqueça de deixar seu comentário! Sua opinião é muito importante!

 

Comentários

Educação Especial
Educação Especial é o foco. Aline Crociari é Pedagoga Habilitada em Deficiência Intelectual, Especialista em Educação e Reabilitação de Surdos, Psicopedagoga Institucional.
Mestre em Educação Escolar, há mais de 15 anos trabalhando ,com Educação Especial, cria o site  "A Educação Especial" buscando disseminar conhecimentos sobre o tema, sempre em perspectiva inclusiva.

 

Alavancagem Da Superação

Apenas Para Professores Que:

- Gostam De Sua Disciplina;

- Entendem A Internet Como Novas Possibilidades;

- Queiram Unir Conhecimento Com Tecnologia e

- Superar A Crise.

(Mesmo Que Não Saiba Nada De Internet);

Quer saber mais? Clique Aqui!