A Educação Especial

Educação Especial         Altas Habilidades/Superdotação         Autismo        Deficiência Auditiva         Deficiência Física         Deficiência Intelectual         Deficiência Visua         

Transtorno Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDA/H): Como Lidar Com Este Desafio?

Aline Crociari      quarta-feira, 17 de maio de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Transtorno Déficit de Atenção com Hiperatividade, certamente você já deve ter ouvido falar sobre esse termo, o "famoso" TDA/H.

Atualmente este termo se faz extremamente presente nas escolas, especificamente na fala de muitos professores.

É comum ouvirmos as seguintes afirmações:

Nossa o João é hiperativo não para um minuto!

 A Ana Carolina é muito agitada, com certeza deve ser hiperativa!

Será que quando afirmamos isso, sabemos de fato o que significa ser hiperativo?

O Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDA/H) é um transtorno neurobiológico, de causas genéticas, que aparece na infância e frequentemente acompanha o indivíduo por toda a sua vida.

Ele se caracteriza por sintomas de desatenção, inquietude e impulsividade.

Suas principais causas são: hereditariedade, substâncias ingeridas pela mãe durante a gestação - álcool, drogas, medicamentos, alterações nos neurotransmissores, na região frontal e suas conexões.

Os neurotransmissores passam informações para os neurônios, já a região frontal de nosso cérebro é responsável pela inibição do comportamento, memória, autocontrole, organização e planejamento.

Portanto, os alunos que realmente apresentam o Transtorno Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDA/H) não são desatentos, agitados, inquietos, impulsivos, por não possuírem limites, ou não terem sido “bem educados” por seus familiares.

Estas crianças possuem dificuldades para controlar seus comportamentos e se manterem atentas, devido suas estruturas cerebrais.

O que não significa que elas não necessitam de regras e limites! Sim! Necessitam mais que as outras! Porém, eu professor, devo compreender que a educação que uma criança recebe em seu seio familiar não faz com que ela adquira a hiperatividade.

A hiperatividade é um distúrbio e, assim sendo, trata-se de uma disfunção neurológica.

Este distúrbio de aprendizagem também se classifica em tipos:

Tipo Desatento: apresenta pelo menos seis das seguintes características:

- Não enxerga detalhes;

- Comete erros por falta de cuidado;

- Dificuldade em seguir instruções;

- Falta de organização;

- Evita tarefas que exigem um esforço mental prolongado;

- Perde os objetos necessários para desempenhar algo;

- Distraído e esquecimento nas atividades diárias.

Tipo Hipeartivo/Impulsivo: apresenta seis das seguintes características:

- Inquietação, mexe a todo o momento os pés e as mãos;

- Dificuldade em permanecer sentado;

- Corre sem destino ou sobe nas coisas. Quando adulto se torna inquieto e, não consegue ficar muito tempo em um local;

- Dificuldade em se concentrar nas atividades silenciosas;

- Fala excessivamente;

- Responde as perguntas antes de serem formuladas;

- Age rapidamente como se fosse um“motor”;

- Dificuldade em esperar sua vez para falar e/ou durante as brincadeiras e

- Interrompe e se intromete e

Tipo Combinado: apresenta os dois -  desatento e impulsivo.

É de fundamental importância conhecer efetivamente a definição e as características deste distúrbio de aprendizagem para desenvolver estratégias pedagógicas que possam contribuir satisfatoriamente para a aprendizagem desses alunos.

Além disso, é importante frizar que os alunos que possuem TDA/H, NÃO são publico alvo da educação especial.

O Transtorno Déficit de Atenção com Hiperatividade é um distúrbio de aprendizagem, trata-se portanto, de uma disfunção neurológica, sendo portanto, clínico seu tratamento e intervenções.

Já a Educação Especial,  atua pedagogicamente com alunos que possuem deficiências, transtorno do espectro autista e altas habilidades/superdotação.

Conheça para fazer a diferença!

Transtorno Déficit de Atenção com Hiperatividade

Você sabia que a Hiperatividade é um Disrtúrbio de Aprendizagem? Quer saber mais sobre Hiperatividade? Clique aqui.

Você gostou deste artigo? Então, não esqueça de deixar seu comentário! Sua opinião é muito importante!

Comentários

Educação Especial
Educação Especial é o foco. Aline Crociari é Pedagoga Habilitada em Deficiência Intelectual, Especialista em Educação e Reabilitação de Surdos, Psicopedagoga Institucional.
Mestre em Educação Escolar, há mais de 15 anos trabalhando ,com Educação Especial, cria o site  "A Educação Especial" buscando disseminar conhecimentos sobre o tema, sempre em perspectiva inclusiva.

 

Alavancagem Da Superação

Apenas Para Professores Que:

- Gostam De Sua Disciplina;

- Entendem A Internet Como Novas Possibilidades;

- Queiram Unir Conhecimento Com Tecnologia e

- Superar A Crise.

(Mesmo Que Não Saiba Nada De Internet);

Quer saber mais? Clique Aqui!